Microcredencial - Triagem em crianças e jovens, nos serviços de urgência

Apresentação

Portugal foi dos países que mais evoluiu no âmbito da saúde, com reflexo particularmente ao nível dos indicadores materno-infantis. Apesar das mudanças verificadas e dos esforços que se têm vindo a sentir, um dos problemas com que atualmente a Pediatria mais se debate, é com a “inundação” dos serviços de urgência, na esmagadora maioria dos casos por patologia do foro ambulatório, considerada como urgência apenas pelos cuidadores. Assim a aplicação de triagem é fundamental para a deteção dos sinais de emergência que requerem tratamento imediato; dos sinais que necessitam de prioridade de atendimento e que aguardam, mas sem demora, para serem tratadas; e dos casos não urgentes que não apresentam sinais de emergência nem de prioridade.

Assim foram criados sistemas de algoritmos, baseados na avaliação do risco clínico e nas evidências usadas para definir o grau de severidade da doença ou da condição do doente. Estes sistemas inicialmente eram utilizados em contexto de catástrofe ou de grandes acidentes. Posteriormente foram implementados nas instituições hospitalares, mais especificamente nos serviços de urgência.

O curso de formação continua “Triagem em crianças e jovens, nos serviços de urgência”, visa habilitar os/as enfermeiros/as para a aquisição e desenvolvimento de competências para a prestação de cuidados de enfermagem a crianças/jovens e família durante a triagem, área de total responsabilidade do/a enfermeiro/a que presta cuidados num serviço de urgência pediátrica.

Objetivos

O presente curso visa habilitar os/as formandos/as para a aquisição e desenvolvimento de competências para a prestação de cuidados à criança/jovem e família na triagem de uma unidade de urgência de pediatria. Ou seja, que mobilizem competências e recursos oportunamente, para cuidar da criança/jovem e família em situações de particular exigência, decorrente da sua complexidade, reconhecendo instabilidade das funções vitais e de risco.

Resultados de aprendizagem:

  • Descreve a história da triagem no mundo e em Portugal;
  • Contextualiza a triagem numa unidade de urgência pediatria e a sua importância;
  • Reconhece a importância do papel do enfermeiro na triagem e identifica as suas intervenções;
  • Define as triagens utilizadas em Portugal, numa unidade de urgência pediátrica;
  • Identifica situações urgentes/emergentes através da avaliação observacional da criança/jovem na triagem e encaminha-a

 

Duração e Total de Créditos ECTS

  • 18 horas de contacto
  • T - Ensino teórico: 11 horas
  • S – Seminário: 03 horas
  • TP – Teórico-Prático: 4 horas
  • 36 h trabalho autónomo
  • 2 ECTS

Estrutura curricular

7 módulos

  • Módulo 1: As unidades de Urgência Pediátrica (afluência e situações mais comuns) (1 hora)
  • Módulo 2: A intervenção do/a enfermeiro/a na triagem Pediátrica (2 horas)
  • Módulo 3: A avaliação da criança/jovem e familia na triagem; deteção de situações urgentes e emergentes  (2 horas)
  • Módulo 4: Contextualização histórica da triagem e as triagens utilizadas nas unidades de urgência Pediátricas em Portugal (2 horas)
  • Módulo 5: A triagem de Manchester (4 horas: 2+2)
  • Módulo 6: A triagem Pediátrica Canadiana (4 horas: 2+2)
  • Módulo 7: Seminário – Apresentação de trabalhos e reflexão (3 horas)

Responsabilidade do Curso

Carga Horária, Horário e Período de Funcionamento

  • Maio de 2023 – 7 sessões de 1 a 4 horas (distribuídas em 3 dias)

Vagas

  • Brevemente

Propina

  • Brevemente

EDITAL | CANDIDATURA Brevemente