Fisioterapia em Condições Músculo-Esqueléticas

Ano letivo de 2019/2020 (todas as vagas preenchidas na 1º fase, não havendo abertura de outras fases)

Apresentação                                    

O Mestrado em Fisioterapia em Condições Músculo-Esqueléticas resulta de uma parceria entre a Universidade Nova de Lisboa (UNL), através da Nova Medical School/ Faculdade de Ciências Médicas (NMS/FCM) e Escola Nacional de Saúde Pública (ENSP), e o Instituto Politécnico de Setúbal, através da Escola Superior de Saúde (ESS). O Curso foi desenhado de acordo com os Standards da International Federation of Orthopaedic Manipulative Physical Therapy (IFOMPT), sendo atualmente o único Mestrado em Portugal que faz parte da IFOMPT Approved Learning Institutions.

O Mestrado em Fisioterapia em Condições Músculo-Esqueléticas proporciona a oportunidade aos estudantes para aprofundarem o seu conhecimento acerca da etiologia, diagnóstico e tratamento das principais condições músculo-esqueléticas, e desenvolverem uma compreensão crítica acerca das bases científicas da intervenção da fisioterapia e implementarem uma prática informada pela evidência, considerando a sua efetividade e o beneficio percecionado pelo utente e pelo fisioterapeuta.

O curso proporciona ainda a oportunidade de os estudantes desenvolverem as suas competências clínicas na área das condições músculo-esqueléticas, e de contribuírem para a investigação realizada nesta área clínica. Partindo das competências e atributos desenvolvidos na formação inicial, (nomeadamente a níveis teóricos e aplicados necessários à prática segura e efetiva da fisioterapia em condições músculo-esqueléticas, de capacidades de aprendizagem autodirigida, e de resolução de problemas e avaliação critica), o curso promove uma abordagem centrada nas necessidades do utente/populações específicas, e o compromisso com os valores da profissão e com o desenvolvimento profissional e aprendizagem ao longo da vida.

Objetivos

Ao longo do curso o estudante desenvolve:

- Um conhecimento aprofundado e sistematizado e uma compreensão crítica acerca do impacto da dor e disfunções do movimento de natureza neuro-músculo-esquelética na função e na restrição à participação do individuo.

- Capacidade para recolher, interpretar e sintetizar a informação relativa à avaliação dos utentes, de forma a selecionar, dentro das opções de tratamento, a mais adequada, usando a sua capacidade crítica e reflexiva, e trabalhando em colaboração com os utentes e cuidadores sempre que possível.

- Implementar uma prática especializada nas condições de dor e disfunção do movimento de natureza neuro-músculo-esquelética, de acordo com os princípios éticos, morais e legais do exercício profissional.

- Analisar criticamente as bases científicas da intervenção da fisioterapia nas condições de dor e disfunção do movimento de natureza neuro-músculo-esquelética e implementar uma prática baseada na evidência considerando a sua efetividade e o benefício percecionado pelo utente e pelo fisioterapeuta.

- Capacidade para colaborar de forma efetiva com os outros (equipas transdisciplinares e multidisciplinares e através de um envolvimento genuíno na parceria com o utente – envolvimento do utente), como participante, líder ou consultor.

- Capacidade para formular novas questões, selecionar, planear e implementar estratégias de investigação na área das Condições Neuro-músculo-esqueléticas, rever resultados de forma sistematizada e divulgá-los adequadamente.

Plano de estudos

Plano de Estudos em vigor
Despacho de publicação em Diário da República

Acreditação

Estado: Acreditado

Nº de anos de acreditação: 6 anos

Consulte aqui:

Relatório de autoavaliação
Acreditação A3ES

Saídas profissionais

A formação de nível de Mestrado é uma componente essencial para uma prática de nível especializado da fisioterapia em condições músculo-esqueléticas, que poderá ser implementada em diferentes contextos (Clinica, Clubes Desportivos, Centros de Saúde, Hospitais). Para além da expansão de competências clínicas e áreas de prática o curso promove o desenvolvimento profissional e académico, abrindo outras oportunidades de carreira como seja a lecionação em instituições de ensino superior, a investigação científica ou ainda perspetivas de progressão académica.

Razões para a escolha do curso

O principal enfoque do curso é no desenvolvimento de um modelo de raciocínio clínico informado pela evidência e orientado para o utente, num quadro biopsicossocial. Neste enquadramento, o curso promove elevados níveis de prática especializada que incluem competências para o diagnóstico diferencial, avaliação imagiológica, conhecimento aprofundado das condições clínicas mais relevantes, integração de novos instrumentos de avaliação do movimento e da dor, e avaliação critica dos resultados de tratamento.

Duração e total de créditos ECTS

120 ECTS - 4 semestres

Direção do Curso

Fernando Pimentel-Santos | FCM/UNL
Rita Fernandes | ESS/IPS
Florentino Serranheira | ENSP/UNL

Comissão de Acompanhamento e Avaliação dos Cursos

Propina Anual

4200 euros | 2600€ para os estudantes inscritos no 1º ano e 1600€ para os estudantes inscritos no 2º ano (consulte regulamentação de propinas)

Número de vagas

20 vagas (ano letivo 2019/2020).

 

<b style='display:none;'>null</b>@MESTRADO_FISIO @MESTRADO_FISIO